Golpe do Whatsapp clonado que pede PIX

Atualizado em 01/08/2023

Conheça o golpe do PIX do WhatsApp clonado que rouba contas de WhatsApp para conseguir dinheiro através da liste contato das vítimas.

O que é o Golpe

Como funciona

Como se proteger

Como denunciar uma tentativa

O que é o Golpe do WhatsApp clonado que pede PIX

Já falamos por aqui do Golpe do PIX do WhatsApp que usa a foto de um conhecido e um número diferente para obter dinheiro das pessoas. 

Mas existe uma modalidade de Golpe do PIX em que os criminosos conseguem clonar o WhatsApp da vítima e usar não apenas a foto, como também informações de outras conversas e o mesmo número de telefone.

Como acontece o Golpe do WhatsApp clonado

Existem diferentes formas de criminosos clonarem um número de WhatsApp. Uma delas é roubando o Código de Segurança de Seis Dígitos e a outra é escaneando o QR Code (um tipo de código de barras) utilizando o celular da vítima.

Veja a seguir como cada uma é feita.

Roubo do Código de Segurança de Seis Dígito

Esse tipo de fraude acontece de maneira coordenada em etapas. O primeiro passo é roubar uma conta no WhatsApp. Uma das formas usadas por criminosos é por meio do código de segurança do aplicativo

Na maioria das vezes é a própria vítima que passa esse código aos golpistas. A tática utilizada por eles é enviar uma mensagem no aplicativo se passando por um representante de uma marca e oferecendo algo em troca para que o alvo forneça esse dado a eles.

Enquanto eles tentam enganar a vítima oferecendo algum brinde ou convite para um evento, um código de seis digitos é enviado pelo WhatsApp ou via SMS. Esse é o número que os golpistas precisam para invadir o aplicativo.

Depois disso, a vítima perde o acesso à conta e os golpistas interagem com os contatos pedindo dinheiro.

Escaneando o QR Code do WhatsApp

Essa maneira de clonar pode ser um pouco mais difícil mas não é impossível. Isso porque para conseguir escanear o QR Code (um tipo de código de barra) é preciso ter em mãos o celular da vítima, abrir o aplicativo do WhatsApp pelo aparelho e escanear o código para usar a versão no computador, chamada de WhatsApp Web.

Em outras palavras, a vítima precisaria deixar o celular desbloqueado nas mãos do golpista para que ele conseguisse abrir o aplicativo em um computador. Dessa maneira, a vítima poderia continuar usando o WhatsApp do próprio celular e os criminosos poderiam utilizá-lo de outra máquina.

Exemplos de Golpe do WhatsApp clonado

➡️Quando a intenção é roubar o perfil do WhatsApp da vítima, os golpistas se passam por representantes de marcas e enviam um código de 6 dígitos para a pessoa que desejam tomar o WhatsApp.

➡️Após conseguirem tomar o WhatsApp, os criminosos enviam mensagens para contatos próximos, possivelmente as últimas conversas da vítima, pedindo dinheiro via PIX.

➡️Na maioria das vezes, eles tentam imitar a linguagem que a vítima utilizava para não levantar suspeitas.

➡️Depois que o PIX é feito, os golpistas, interrompem a comunicação e podem até mesmo bloquear aquele contato, deixando a pessoa que fez um PIX sem entender que caiu em um golpe.

4 dicas para se proteger do Golpe do WhatsApp clonado

  1. Nunca compartilhe seu Código de Segurança do WhatsApp com nenhum outro perfil. Essa sequência numérica existe para ajudar a manter sua conta segura.
  2. Não compartilhe a senha do seu celular com outras pessoas. Se possível adicione a autenticação por biometria ou reconhecimento facial para reforçar a segurança do seu telefone.
  3. Se você usar o WhatsApp Web em um computador compartilhado com outras pessoas, lembre-se de sempre deslogar seu WhatsApp de lá.
  4. Desconfie se um contato seu pedir dinheiro pelo WhatsApp. Esse é um forte indício de golpe e caso o número daquela pessoa tenha sido clonado é bem provável que criminosos se passem por ela pedindo PIX.

Como denunciar uma tentativa de Golpe do do WhatsApp clonado

Envie a fotografia da sua tela (print screen) da tentativa de golpe para nosso WhatsApp que faremos a denúncia da tentativa nas instituições financeiras e canais de comunicação.

Este protocolo ajudou? Então avalie com 5 estrelas:

Clique nas estrelas

Média da classificação 3 / 5. Número de avaliações: 2

Nenhuma avaliação até agora! Seja o primeiro a avaliar este artigo.